Cinema: Os Filmes da Semana

por , 3 Setembro, 2018

As atrizes Mila Kunis e Kate Mckinnon na pele de espiãs acidentais, um filme biográfico baseado na vida de Henri Charrière – um homem condenado a prisão perpétua na colónia penal da Ilha do Diabo, e “Juliet, Nua”, uma comédia romântica protagonizada por Ethan Hawke. São estas as sugestões da semana de Diogo Marques, colaborador de cinema da CRISTINA.

Por: Diogo Marques

 

“O ESPIÃO QUE ME TRAMOU”

Audrey e Morgan são duas amigas que um dia, inesperadamente, encontram-se enredadas numa conspiração internacional. Tudo começa quando Audrey descobre que Drew, o seu horrível ex-namorado, é na verdade um agente secreto da CIA. Após esta descoberta, as duas mulheres começam a ser perseguidas por uma série de assassinos e, receosas pela sua segurança, iniciam um plano de fuga por diversas capitais europeias.

Esta comédia de espionagem realizada por Susanna Fogel conta no elenco com nomes como Mila Kunis, Kate McKinnon, Justin Theroux e Sam Heughan.

 

 

“PAPILLON”

Inspirado no romance bestseller mundial com o mesmo nome, “Papillon” narra a história verídica do francês Henri Charrière, um arrombador de cofres que em 1930, é injustamente incriminado por homicídio e condenado a prisão perpétua na colónia penal da Ilha do Diabo. Na prisão conhece Louis Dega, um famoso falsário de quem se torna amigo e com quem estabelece um acordo: ajudá-lo nas tentativas de fuga em troca de proteção.

Apesar das condições deploráveis em que se encontra encarcerado , Henri “Papillon” Charrière vai executando diversas tentativas de fuga na esperança de alcançar a tão desejada liberdade.

Realizado por Michael Noer, este filme encabeçado por Charlie Hunnam e Rami Malek, é um remake do clássico de 1973, na altura protagonizado pelos atores Steve McQueen e Dustin Hoffman.

 

 

“JULIET, NUA”

Annie e Ducan são namorados desde da adolescência. Hoje, ambos perto dos 40 anos, levam uma vida tranquila. Mas enquanto Annie vive atormentada pela falta de romance da sua relação, Duncan concentra-se na sua obsessão por Tucker Crowne, um artista de rock alternativo desaparecido da ribalta há mais de 25 anos, depois de lançar o álbum intitulado “Juliet”. Quando aparece divulgada na Internet uma versão acústica do velho álbum de Tucker, revoltada, Annie publica uma crítica arrasadora sobre as gravações. Contudo, para seu espanto, Tucker envia-lhe um e-mail a agradecer. Segue-se um encontro entre a antiga estrela e a namorada do seu maior fã.

Adaptada da obra homónima escrita por Nick Hornby em 2009, esta comédia romântica é protagonizada por Ethan Hawke, Rose Byrne e Chris O’Dowd.

 

  • Comentários

    Artigos relacionados