CONSULTÓRIO | Medo de mudar

por , 1 Outubro, 2018

A vida é mudança. Ainda na barriga da mãe, o desenvolvimento do embrião avalia-se pelas mudanças que se observam.

Por Quintino Aires

O desenvolvimento psicológico da criança e do adolescente são marcados por mudanças importantes na forma como percebe o mundo, como age nele e como se relaciona com as outras pessoas. Com o crescimento, passamos a entendê-lo de forma diferente e mais individual, o que quase sempre nos leva a simpatizar com novos amigos, mais próximos de nós nessa maneira de olhar. A entrada na idade adulta marca uma mudança radical na forma como lidamos com os nossos pais, especialmente quando deixamos entrar na nossa vida aquele ou aquela a quem se dirige o nosso amor. Porque o casamento é uma carta fechada, por vezes, e para podermos ser felizes, impõe-se uma nova mudança, numa outra tentativa de realização. A carreira profissional tem este nome, “carreira”, exatamente para expressar a mudança que sempre se há de buscar e conseguir, no sentido da evolução profissional e pessoal. Se olharmos para a vida percebemos que, efetivamente, ela se caracteriza por mudanças contínuas. E da ciência vem o mesmo entendimento. O conhecido cientista Charles Darwin, autor da Teoria da Evolução, disse, já no século XIX, que “não é a espécie mais forte nem a mais inteligente que sobrevive. Mas sim a que melhor for capaz de mudar”.

 


Leia a crónica completa na edição deste mês nas bancas
ou na app CRISTINA (IOS ou ANDROID)

  • Comentários

    Artigos relacionados