Os jovens e o Viagra

por , 20 Agosto, 2018

Por insegurança, curiosidade ou brincadeira, há cada vez mais rapazes a procurarem fármacos como o Viagra. Foi o caso de Diogo. Descubra porque tomou e os riscos que correu.

POR: Xavier Pereira

 

“A primeira vez que tomei, foi um amigo que me arranjou. Foi por brincadeira, mas senti muito o efeito”, começa por contar Diogo, hoje com 30 anos de idade. Para falar sobre o assunto, precisa de recuar no tempo. “Tinha 25 anos e queria divertir-me. Estava de férias no Algarve e, na primeira noite que tomei algo semelhante ao Viagra, envolvi-me com duas raparigas, ao mesmo tempo. Uma era holandesa, a outra, sueca. Na discoteca, quando vi que estava tudo bem encaminhado, tomei meio comprimido de Cialis. Dali a 15 minutos, estávamos a ir os três para o quarto”, recorda.

 


Leia o artigo completo na edição nas bancas
ou na app CRISTINA M (IOS OU ANDROID).

  • Comentários

    Artigos relacionados